O início de ‘Batman v Superman: A Origem da Justiça’ será dois anos após os eventos de ‘O Homem de Aço’, e veremos o Superman ajudando a todos como prometido. Em uma recente entrevista que pode ser lida nos quadrinhos da DC Comics, Zack Snyder explica em que ponto exatamente reencontraremos Kal-El.

Durante estes dois anos o Superman já será conhecido por todos, mas logo vê que tudo que ele faz tem consequências:

“Ele está fazendo coisas boas, ajudou quando houve inundações, quando minas ou pontes desmoronaram, quando as igrejas foram queimadas… É basicamente um herói e quando o encontramos ele estará lidando com o que isso implica no dia a dia, mas a situação muda ao perceber as consequências não intencionais que seus resgates estão causando, que toda ação tem uma reação. Por exemplo, se um gato subir em uma árvore ele não pode tocar em nada, porque os ambientalistas dirão que ele “danificou os galhos quando resgatou o gato” ou que “O gato não foi castrado, então agora existem milhares.” Não há nenhuma vitória para Superman.”superman

Mas uma coisa é o que ele faz e outra é como as pessoas o vêm, por exemplo a posição do Batman a seu respeito:

“(Batman) não sabe quem é o Superman, tudo o que ele conhece é o seu rosto público. Se você tem uma ideia sobre alguém ou duvidar de suas intenções e a visão da mídia é única que você tem, você sempre verá o rosto que ela quer que veja. Batman viu a destruição de Metropolis, isso é um fato que faz ele se questionar se devemos nos contentar por apenas milhares de pessoas terem morrido. O que virá depois? Milhões? Estão todos conformados com isso? Porque ele não. Isso é o que pensa o Batman.”batman 2

Ele também tem falou sobre Jesse Eisenberg como Lex Luthor e, como era de se esperar, são elogios pelo desempenho do ator:

“Ele é inteligente e difícil de encaixar, ele tem todas as características de um vilão no sentido de que quando você pensa que você sabe o que fará, ele te surpreende com algo novo sobre ele.”lex luthor